23 de março de 2010

Informe-se sobre H1N1

Ilustração - Medidas de Prevenção Influenza A (H1N1)

O que a população brasileira precisa saber sobre a Influenza A (H1N1):


O que é a influenza A (H1N1)?

É uma doença respiratória aguda (gripe), causada pelo vírus Influenza A (H1N1). Este novo subtipo do vírus da influenza, assim como a gripe comum, é transmitido de pessoa a pessoa, principalmente por meio de tosse ou espirro e de contato com secreções respiratórias de pessoas infectadas.

Quais os sintomas que definem um caso suspeito de influenza A (H1N1)?

Febre alta repentina, maior que 38ºC, e tosse, acompanhadas ou não de dores de cabeça, musculares, nas articulações ou dificuldade respiratória. Esses sintomas surgem em até 10 dias após a pessoa sair de país afetado pela Influenza A (H1N1) ou após ter contato próximo com uma pessoa com suspeita ou confirmação de infecção por Influenza A (H1N1).

O que devo fazer se apresentar os sintomas?

Você deve procurar logo uma unidade de saúde mais próxima e informar ao profissional de saúde o seu roteiro de viagem ou histórico de contato com pessoas doentes. Confirmando a suspeita de infecção por Influenza A (H1N1), você será transferido para um hospital de referência do Estado, pelo serviço de saúde, para monitoramento e, se necessário, tratamento.

Se você for um viajante que esteja retornando de voos internacionais:
  • Se estiver no avião - você deve comunicar à tripulação os sintomas para que a equipe de bordo providencie junto à ANVISA e às autoridades de saúde do aeroporto o seu atendimento médico.
  • Se estiver no aeoroporto - procurar o posto da ANVISA no aeroporto.
  • Se você já estiver em casa - não tome medicamento por conta própria e procure logo a unidade de saúde. Informe ao médico o seu roteiro de viagem.

Em quanto tempo, a partir da transmissão, os sintomas aparecem?

Os sintomas podem iniciar no período de até 10 dias após o contato com esse novo subtipo do vírus e a transmissão ocorre, principalmente, em locais fechados.

Há uma vacina que possa proteger a população humana contra a doença?

Não. Não existe vacina contra esse novo subtipo de vírus da influenza.

Há tratamento para Influenza A (H1N1) no Brasil?

Sim. O Ministério da Saúde adotou um protocolo para tratamento, com utilização de um medicamento antiviral que será usado apenas nos pacientes em tratamento nas unidades de saúde de referência do Estado. O remédio deve ser tomado até 48 horas a partir do início dos sintomas. Por isso, é importante procurar logo uma unidade de saúde em caso de suspeita de estar infectado pela Influenza A (H1N1).
ALERTA: Ninguém deve tomar o medicamento sem indicação médica. A automedicação pode mascar sintomas, retardar o diagnóstico e até causar resistência ao vírus.

A vacina contra gripe comum protege contra a Influenza A (H1N1)?

Não há, até o momento, nenhuma evidência de que a vacina contra a gripe comum proteja contra gripe do vírus A (H1N1).

É seguro comer carne de porco e produtos derivados?

Sim. Você pode comer carne de porco e seus derivados cozidos ou assados.

Quais as recomendações do Ministério da Saúde para os viajantes internacionais?

a) Às pessoas que se destinam aos países afetados:
  • Em relação ao uso de máscaras cirúrgicas descartáveis, durante toda a permanência nos países afetados, seguir rigorosamente as recomendações das autoridades sanitárias locais.
  • Ao tossir ou espirrar, cobrir o nariz e a boca com um lenço, preferencialmente, descartável. Lavar as mãos frequentemente com água e sabão, especialmente depois de tossir ou espirrar.
  • Evitar locais fechados com aglomeração de pessoas.
  • Evitar o contato direto com pessoas doentes.
    Não compartilhar alimentos, copos, toalhas e objetos de uso pessoal.
  • Evitar tocar os olhos, nariz ou boca.
    Em caso de adoecimento, procurar assistência médica e informar história de contato com doentes ou/e roteiro de viagens recentes.
  • Não usar medicamentos sem orientação médica.
b) Às pessoas que estão voltando de viagens internacionais:
    Pessoas que estão voltando de outros países, independente de ter ou não casos confirmados da doença, e apresentarem alguns dos sintomas em até 10 dias após saírem desses países, devem:
  • Procurar assistência médica na unidade de saúde mais próxima.
  • Informar ao profissional de saúde o seu roteiro de viagem.

ATENÇÃO:

Se você for viajar para países afetados pela Influenza A (H1N1), siga as orientações dos governos locais sobre o uso de máscara cirúrgica.
Todas as pessoas que vieram de país afetado ou tiveram contato próximo com uma pessoa com suspeita ou confirmação de infecção por Influenza A (H1N1) e apresentarem os sintomas da doença deve procurar uma unidade de saúde. Os sintomas são: febre alta repentina (maior que 38°C) e tosse, acompanhadas ou não de dores de cabeça, musculares, nas articulações ou dificuldade respiratória. Esses sintomas surgem em até 10 dias após a pessoa sair de um país afetado ou após o contato com pessoa suspeita de estar infectada.

O governo brasileiro está tomando as precauções e todas as medidas necessárias para conter a doença, rastreando, monitorando e tratando todos os casos de Influenza A (H1N1) no país.

Fonte: Secretaria de Vigilância em Saúde - Ministério da Saúde
Outras Informações: www.saude.gov.br

 

Salvar material sobre a H1N1 aqui

0 comentários:

 

Assine vc também!

Subscribe via email

Cadstre seu email:

Delivered by FeedBurner

Arquivo do blog

EnferNat Copyright © 2009 HTML by Ipietoon. Lay by Nat Viana